5 MINUTOS PARA O PLANETA

No dia 1 de fevereiro HOJE, em todo o mundo haverá uma grande mobilização pela salvação do planeta Terra.

É o movimento - Cidadãos contra a mudança climática!
A
Aliança pelo Planeta que é um grupo francês de associações ambientalistas, lança um apelo simples a todos os cidadãos do planeta, de se dedicarem por cinco minutos à Terra. Todo o mundo apagará por 5 minutos suas lâmpadas e aparelhos domésticos entre 19h55 e 20h00

Não se trata apenas de economizar eletricidade nesse dia o que certamente ocorrerá, mas o objetivo é chamar a atenção da mídia e daqueles que têm poder de decisão sobre o desperdício de energia e a urgência de agir!

É um ato simbólico, um primeiro paço para aqueles que gostariam de fazer alguma coisa pelo equilíbrio ambiental.
Podemos começar assim, entrando nesta grande corrente dos Cinco Minutos de repouso para o Planeta Terra.

Não toma muito de seu tempo, 5 minutos só, não custa nada e isso mostrará aos candidatos à presidência da França, sim porque este movimento começou por lá, e também a outros candidatos e atuais presidentes de outros países, que a mudança climática é uma questão que deve ser levada em conta em qualquer decisão política, sobretudo naqueles países que visam o desenvolvimento acelerado a qualquer custo.

Por que dia 1 º de fevereiro? Nesse dia será apresentado na França um relatório feito por um grupo de técnicos em climatologia da ONU.
Os cidadãos não podem deixar escapar esta ocasião para manifestarem sua opinião sobre a urgência com que deve ser tratada a mudança climática mundial.

Se todos participarem, essa ação poderá aparecer na mídia e ter peso político.

Faça circular ao máximo esse apelo entre os seus amigos, colegas e parentes. A diferença de fuso horário com relação à França não tem importância, o Brasil se manifestará no dia 1º de fevereiro, assim como todos os países do Ocidente, à noite das cinco para as oito às oito horas.
Então, Vamos praticipar?
Cinco minutos com todas as luzes da casa apagadas e todos os aparelhos eletrônicos.

Algo me diz que esta parada diária de 5 minutinhos vai fazer bem a muita gente.
O fato de se sentir participante de um movimento sem fronteiras, internacional é indescritível, traz um bem estar a qualquer um.
E a possibilidade de se aproveitar este cinco minutinhos no silêncio da noite, todos os dias, sem interferência de tantas luzes artificiais para se fazer uma meditação, uma oração ou pensar no nosso planeta e toda a sua diversidade, toda sua riqueza natural, escutar o silêncio da noite, é uma oportunidade sem igual para recuperarmos algo dentro de nós adormecido há muito tempo.
É a possibilidade de desligarmos tantos canais de atenção sem que estejamos dormindo e observar.

Então está lançado o movimento.
Dia 1 de Fevereiro é HOJE!

Como dizia Clarice Lispector em um de seus poemas: "MUDE, FAÇA UMA COISA DIFERENTE TODOS OS DIAS"
e ela acrescenta :
"Mude, mas comece devagar,
porque a direção é mais importante que a velocidade."
Podemos começar HOJE e quem sabe fazer coisas diferentes se transforme num hábito.

a foto é da PRAÇA DAS MÃES no bairro Jardim Brasil em Avaré-SP, tirei em Janeiro deste ano.

ADORO ESTA MÚSICA!

MAZZAROPI

Chuvas de verão....

No dia 29 de Janeiro passado, um domingo ensolarado, tivemos no final da tarde, aqui em Avaré, a visita de grandes nuvens negras e uma chuvarada grossa.

O rio que passa por trás das antigas casas dos ferroviários, por trás do Gril Supermercado e pelo Horto Florestal, teve seu nível de água muito aumentado e inundou o quintal de todas essas casas, chegando até o nível da Av. Major Rangel.

Algumas moradoras das casas, me disseram que em pelo menos 6 anos, tempo de moradia da inquilina mais antiga das que falaram comigo, só no ano de 2005, já aconteceram algumas enchentes como esta, que tomou conta do espaço externo das casas.

Antes desse período, o rio teve momentos de cheia por ocasião de fortes chuvas, mas nunca como o que vem acontecendo de um ano para cá.

O que mudou nesse meio tempo?

Não tenho idéia, o fato é que as moradoras estavam muito preocupadas.

Na seqüência, deixo fotos que tirei uma hora depois do nível mais alto da enchente, quando cheguei, já tinha baixado bastante, mas pode-se notar o estrago.

                                                Caminhão abarrotado de porcos, num posto de gasolina em Avaré - 2005

Em 25 de Agosto de 2005 foi publicada a Lei Estadual 11.977 de 25 ade Agosto de 2005, que institui o Código de Proteção aos animais do Estado de São Paulo. Entre as inovações dessa importante legislação, estava prevista de forma ampla a proteção a atos definidos como maus tratos, limitava tempo de trabalho de animais antes do descanso, alimentação e água, regulava formas de transporte de animais, meios de abate que minimizassem o sofrimento do animal, proibia utilização de instrumentos em rodeios que alterassem o comportamento do animal (o que incluia o sedem, portanto) e ainda estabelecia diversas condições para Criação e Uso de Animais para Pesquisa Científica.

A reação dos setores agropecuários e mesmo dentro do Governo (claramente pressionado por lobistas) foi imediato. Para quem teve a oportunidade de ler a lei, verifica-se que muitas das condutas duramente combatidas por esses setores, sequer deveriam estar sendo proibidas por lei - deveriam decorrer de nossa educação e respeito para com os animais. Infelizmente as coisas não funcionam dessa maneira.
Inicialmente a Lei havia sido vetada pelo Governador Geraldo Alckimin, sendo entretanto mantida pela Assembléia legislativa.

Inconformados, os pecuaristas providenciaram por meio de uma entidade de classe (Federação da Agricultura do Estado de São Paulo) uma Ação Direta de Inconstitucionalidade da Lei Estadual perante o Tribunal de Justiça (para quem se interessar, processo 127.275.0/0-00) 
Para o desgosto dos protetores dos animais, foi concedida liminar em 11/10/2005 suspendendo os seguintes artigos:

Artigo 2º- É vedado:
I - ofender ou agredir fisicamente os animais, sujeitando-os a qualquer tipo de experiência, prática ou atividade capaz de causar-lhes sofrimento ou dano, bem como as que provoquem condições inaceitáveis de existência;
II - manter animais em local desprovido de asseio ou que lhes impeça a movimentação, o descanso ou os privem de ar e luminosidade;
III - obrigar os animais a trabalhos excessivos ou superiores às suas forças e a todo ato que resulte em sofrimento, para deles obter esforços que não se alcançariam senão com castigo;
(...)
VII - enclausurar animais conjuntamente com outros que os molestem;

Artigo 15 - É vedado nas atividades de tração animal e carga::
(...)
III - fazer o animal descansar atrelado ao veículo, em aclive ou declive, ou sob o sol ou chuva;

Artigo 16 - É vedado:
(...)
II - conservar animais embarcados por mais de 6 (seis) horas sem água e alimento, devendo as empresas de transporte providenciar as necessárias modificações em seu material, veículos e equipamentos, adequando-as às espécies animais transportadas, dentro de 6 (seis) meses a partir da publicação desta lei;
III - conduzir, por qualquer meio de locomoção, animais colocados de cabeça para baixo, de mãos e pés atados, ou de qualquer modo que lhe produza sofrimento ou estresse;

Artigo 18 - É vedado:
I - privar os animais da liberdade de movimentos, impedindo-lhes aqueles próprios da espécie;
II - submeter os animais a processos medicamentosos que levem à engorda ou crescimento artificiais;

e outros

o resto pode encontrar no excelente blog

http://garotasvegetarianas.zip.net/

 Caminhão abarrotado de porcos, num posto de gasolina em Avaré - 2005

 Caminhão abarrotado de porcos, num posto de gasolina em Avaré - 2005


 Este caminhão, está até numa situação muito melhor do que a que ví há dois anos atrás, no mesmo posto de gasolina.

Um veículo absolutamente abarrotado de pobres e sôfregos porcos, sem condições de se mexerem, ao invez de ter um segundo andar como este caminhão da foto, eles ficavam dispostos diretamente sobre os porcos de baixo, numa situação absolutamente desumana.

Cada porco daqueles pesava em média uns 350 kilos, acabavam sufocando os de baixo, muitos deles morriam sufocados e para minimizar estas baixas, com o caminhão parado no posto, o motorista do caminhão portava uma enorme vara de bambú, com a qual vigorosamente cutucava  o corpo dos porcos de cima, para se mexerem, com toda aquela dor que sentiam e assim darem a oportunidade dos de baixo respirarem um pouco.

Chorei muito com o que ví, tamanha crueldade e desrespeito com aqueles que dão a própria vida, o próprio corpo, para alimentar os humanos.

Porquinho morto, à venda, num super-mercado em Avaré.

"Na Ceia de Natal, vemos um grupo de animais humanos VIVOS, em volta de uma mesa cheia de animais MORTOS"

Adeus abacateiro centenário....

Este abacateiro fica no final da rua Mato Grosso, enorme, lindo e centenário, segundo os moradores mais próximos.

Foicortado pelo proprietário do terreno. Não estava doente, não estava próximo à fiação.

Infeliz decisão, como é difícil a convivência entre homem e natureza....

Qualquer pessoa de bom censo, faria de tudo para preservar essa riqueza da natureza, além do mais, o terreno é tão grande!!

Gostaria de ter impedido esta grande perda, este abacateiro era uma referência na região, era majestoso!

No Brasil, árvores frutíferas são liberadas para o corte, uma contradição, num país onde muita gente passa fome.

 DIFÍCIL É A CONVIVÊNCIA ENTRE O HOMEM E A NATUREZA.

Aí vai o texto escrito por nosso amigo Renato Fusco, colaborador e repórter da Rádio Cidadania, sobre a sessão de Câmara do dia 28-11-2005, onde foi votado o projeto de lei que dispoe sobre A PROIBIÇÃO DE ANIMAIS DE CIRCO EM AVARÉ.

"Nesta segunda-feira, dia 28 de Novembro, na Câmara Municipal  houve o
adiamento por tempo indeterminado da lei do prefeito municipal Joselyr
Silvestre, que dispoe sobre  a revogação da lei que proíbe animais em circo
na cidade.

A lei foi criada pelo então vereador Ernesto Albuquerque, no ano de
2002 e foi
aprovada por unanimidade naquela ocasião, fato que foi lembrado
pela vereadora Rosângela Paulucci no momento da apreciação do projeto:

_''se os que votaram a favor da lei em 2002 votarem pela revogação, estarão sendo
incoerentes''[os vereadores Tucão e Roberto Araújo, demonstraram interesse em
votar diferente do que votaram em 2002, quando pertenciam à oposição e não
mantinham vínculos de amizade com o executivo. ]
    O líder do prefeito Tucão, decidiu retirar o projeto, pois viu que a
oposição[maioria parlamentar] mais o vereador Clivatti, de sua bancada
votariam pela manutencao da ''lei do circo'' como ficou conhecida em Avaré.
   Nada impede que o líder do prefeito volte a por o projeto em discução no
próximo ano...
    E aqui vai os nossos parabéns para os vereadores que demonstraram
interesse em votar pela manutensao da lei, ja que ela nem chegou a ser posta
em processo de votacão, Rosana Paulucci, Rosangela Paulucci, Giba, Clivatti e
Marialva Biazon e Gato.
  O presidente Rico Barreto e o vereador situacionista Geraldo da Costa, não
deixaram suas opiniões expressas claramente."

Renato Fusco

  

VITÓRIA!!!

 

Após verem a apresentação em power point do site da PEA, mostrando os bastidores do treinamento de animais em circo, os vereadores que votariam pela revogação da lei que proibe animais de circo em AVARÉ, ficaram numa situação bem chata e constrangedora.

O líder do prefeito, retirou o projeto.

Tivemos as falas contundentes das veradoras Marialva Biazon,RosângelaPaulucci e Rosana Paulucci, também do vereador e Giba, todos à favor de CIRCO SEM SOFRIMENTO.

O vereador Gato, não se pronunciou mas deixou bem claro em conversa por telefone que era completamente contra animais em circo.

Muito obrigada pelo apoio, atenção e o carinho de todos!

Maus-tratos em animais além de pecado é crime.

O treinamento de animais, que implica em sofrimento, dor, cativeiro e na maioria das vezes péssima alimentação não deveria ser proibido pela lei 9605/98 que trata dos direitos dos animais, onde diz que maus-tratos em animais é crime?

Deixe seu recado!

    

 


Estão sabendo da sessão de câmara de amanhã?
Estaremos por lá, vá também para darmos representatividade à lei que proibe animais de circo em Avaré, estão querendo
revogar (anular)!

No Brasil existem 31 cidades com a mesma lei e a tendência é aumentar, nos países de primeiro mundo quase nem existe circo com animais.
Dê uma olhada nesses slides.
http://www.pea.org.br/PPS/circo.pps#257,1,Slide

SAIBA MAIS     www.pea.org.br/educativo/index.htm    ( Material educativo ) CIRCOS.

http://www.animaisdecirco.org/edu_flash.html

http://www.tribunaanimal.com/aconteceu_circo.htm

         
         http://www.oitanhanga.com.br/modules.php?name=News&file=article&sid=330 
 


Estas fotos foram tiradas de um dos últimos andares do prédio atrás da PRAÇA MANECO DIONÍSIO.

BELA VISTA!

Este cão, o MEL, foi submetido à duas cirurgias em aulas de técnicas cirurgicas, VIVISSECÇÃO na faculdade de VETERINÁRIA no RIO GRANDE DO SUL, na UFRGS.

Sofreria muitas outras se não tivesse sido poupado pelos próprios alunos da faculdade, que agora tentam doá-lo com urgência, porque não teem estrutura para mantê-lo e do contrário será sacrificado, está alojado no hospital veterinário da faculdade.

A VIVISSECÇÃO é uma prática arcaica, absurda, injustificável dos países de terceiro mundo!

Animais saudáveis são abertos em cirurgias de risco, para os alunos treinarem e conhecerem o comportamento orgânico.

O ideal seria que isso acontecesse em situações de real necessidade, que alunos acompanhassem uma cirurgia verdadeira, onde uma vida estivesse sendo salva e não o contrário!

Na EUROPA 95% das faculdades não praticam a VIVISSECÇÃO!!!

Nos USA a grande maioria das faculdades também não.

Na INGLATERRA, não se ussa a VIVISSECÇÃO nas aulas práticas desde 1876!

A Faculdade de Veterinária de GARÇA próxima à AVARÉ, não utiliza a prática de VIVISSECÇÃO!

Uma das poucas no Brasil.

Muitos alunos abandonam a veterinária, medicina e outros curso por não suportarem esta prática leviana e ultrapassada.

No Brasil ja existe um grande movimento contra a VIVISSECÇÃO com vitórias interessantes como na UFMG em Minas Gerais.

EXISTEM MUITOS OUTROS RECURSOS COMO SOFTWARES, MODELOS, VÍDEOS ETC

 Segundo os alunos da faculdade, o MEL tem um ano de vida, é super saudável (castrado, vacinado, desverminado e com todos os exames em dia), é muito brincalhão, adora buscar bolinhas, pauzinhos e afins! É super carinhoso e obediente. Quem adotá-lo terá atendimento gratuito  no Hospital Veterinário da UFRGS, além de vacinas e vermífugos de
graça.  Se alguém tiver interesse, escrevam para uma das alunas, ou divulguem!

  anafernandes82@gmail.com

SE INTERESSE POR ESTE ASSUNTO!

DIARIAMENTE NO BRASIL CENTENAS DE ANIMAIS SAUDÁVEIS SÃO SUBMETIDOS À ESTE HORROR, SENTEM MUITO MEDO, MAU-ESTAR E MUITAS VEZES NÃO SOBREVIVEM!!!

Conheça mais em www.holocaustoanimal.blogspot.com

 

 

Este é o córrego que passa ao lado da PRAÇA DAS MÃES no JARDIM BRASIL.

Todos nós sabemos que água é vida, é riquesa nacional.

Este córrego certamente já teve muito mais água do que este fio.

 Para se preservar o rio, é muito importante o reflorestamento da MATA CILIAR, que protege o leito, as águas, assim como os cílios protegem os olhos.

No ano passado foi feito o plantio de muitas mudas de árvores num projeto apoiado pela secretaria do meio ambiente da época e realizado por uma escola com o empenho de várias crianças, no dia do meio ambiente.

Está longe de ser o ideal já que foram plantadas apenas em um pequeno trecho do córrego, mas as crianças envolvidas neste projeto certamente se lembrarão das árvores plantaram, sempre que passarem pela praça.

Não podemos esquecer  dos cerca de 50 PINHEIROS que seriam cortados no PLIMEC na gestão anterior do atual prefeito e foram impedidos, graças à resistência corajosa dos jovens que haviam plantado aquelas mesmas árvores quando crianças, num projeto da escola que freqüentavam.

Subiram nas árvores e não houve polícia, nem ninguém que os tirasse de lá.

Os PINHEIROS hoje estão  lindos, cheios de vida e de pássaros para lembrarmos deste episódio de amor e coragem.

Era uma vez uma rua em Avaré conhecida como a rua dos EUCALIPTOS, travessa da rua MATO GROSSO próximo à PRAÇA DAS MÃES, Jardim Brasil.

Rua de um só quarteirão, tendo em toda sua extensão 21 pés de grandes EUCALIPTOS, atrás, o antigo CURTUME e um pequeno rio,  cheio de lixo.

Vista da rua de cima.

 Primeiro cortaram de uma só vez uns 10 EUCALIPTOS e todas as árvores próximas, entre elas MANGUEIRAS e SIBIPIRUNAS.

Cortaram todas os troncos e empilharam na extensão da rua onde estacionavam diariamente caminhões, carregando tudo.

 

Depois de uns dois mêses cortaram os EUCALIPTOS restantes, o último caiu ontem.

 

Os moradores da rua tinham grande preocupação de que um dia algum EUCALIPTO caísse sobre as casas.

O terreno pertence à CRECHE SANTA ELIZABETH e soube que estavam precisando de verba e resolveram vender as madeiras .

Ve-se um caminhão fazendo um aterro naquele terreno....

Entendo que EUCALIPTOS são árvores muito grandes, uma ameaça às casas mais próximas e também sei que existe  liberação para o corte deste tipo de árvore quando se faz o reflorestamento etc , mas dói no coração ver todas desaparecerem assim....Não tenho idéia de quantos pássaros e passarinhos ficaram sem abrigo.

PRIMAVERA

Coisa linda as primaveras, florescem em setembro-outubro.

Estas são de Avaré.

 

São lindas as PALMEIRAS CARIOTAS da Av. MAJOR RANGEL em toda sua extensão até a MISAEL EUFRÁZIO LEAL.

O líder do prefeito conhecido como TUCÃO, anunciou nesta última sessão de câmara, que serão cortadas  para dar lugar  a um novo asfalto nesta avenida de duas mãos com um canteiro central onde foram plantadas.

A questão é: PORQUE CORTAR MAIS ESTAS ÁRVORES?

Muitas pessoas estão bastante preocupadas com  tantos cortes de árvores desta forma tão desenfreada e injustificada.

No mundo inteiro a palavra de ordem é PLANTAR, é PROTOCÓLO DE KYOTO é QUALIDADE DE VIDA, é DIVERSIDADE BIOLÓGICA!

Com isso tudo, a ESTÂNCIA TURÍSTICA DE AVARÉ me parece estar na contra-mão da história!

Muitos ouvintes da Rádio CIDADANIA e rádios locais ligam constantemente bastante preocupados, manifestando suas opiniões de desagrado e insatisfação.

Um ouvinte ligou para a Rádio CIDADANIA dizendo que se deu ao trabalho de contar todas as palmeiras desta avenida, o resultado é 109 palmeiras e mais não lembro quantas outras árvores.

Outra informação é que foram plantadas na gestão anterior deste mesmo prefeito e num valor bastante alto, aproximadamente 20 mil reais, naquela época!

Por de sol lindo após a chuva forte do início desta semana....

A foto foi tirada do Jardim Brasil.

[ ver mensagens anteriores ]
Visitante número: